GUIA DE SEGURANÇA ON-LINE DA KNOWLEDGE ADVENTURE

A internet é uma ferramenta fantástica que permite que pessoas de todo o mundo se conectem. Mas o que torna a internet tão fantástica assim também pode torná-la perigosa, uma vez que todo o mundo pode fazer logon e fingir ser alguém que não é.

  1. Nunca forneça suas informações pessoais on-line.
    Você diria a um estranho quem você é e onde mora? Jamais! Conversar on-line é como falar com estranhos (sendo que on-line você nem sequer pode VÊ-LOS!) POR ISSO, nunca indique a ninguém seu nome completo, endereço ou número de telefone na internet, por e-mail, em uma mensagem instantânea ou em uma sala de bate-papo. Se você souber seu Número de Segurança Social ou número de cartão de crédito ou conta bancária, nunca os indique. Além disso, nunca publique informações sobre terceiros e tenha cuidado ao informar outras pessoas on-line sobre o nome da sua escola, time de esportes ou passeio favorito. Essas informações são suas e queremos que assim continuem.
  2. Não use seu nome real no nome da sua tela.
    Além disso, não inclua sua idade nem sua cidade natal. Você pode achar que seu nome de tela é super criativo, mas se disser muito sobre você, qualquer pessoa que você não conheça poderá ficar sabendo muito mais sobre você do que você pensa.
  3. Nunca divulgue sua senha.
    Divulgar sua senha é como dar a chave do seu quarto para seu irmão ou irmã. Você quer que eles entrem e remexam nas suas coisas conforme bem lhes apetece? Nem pensar! Isso se aplica também às suas coisas pessoais on-line.
  4. Leia as regras e opções de privacidade em sites da web que permitem que você se conecte com outras pessoas on-line.
    Mas leia mesmo. Alguns sites permitem que apenas determinadas pessoas que se inscreveram leiam publicações, entrem nas salas de bate-papo e confiram as páginas da web de outros usuários. Outros deixam todo o mundo que entra no site conferir seja o que for. Independentemente do tipo de site em que você está, saiba se pode restringir suas informações de modo a poderem ser consultadas apenas pelas pessoas que você escolher.
  5. Só compartilhe coisas on-line que possam ser vistas por qualquer pessoa.
    Todo o mundo pode usar a internet e a maioria das pessoas fá-lo. Isso inclui seus pais, os pais dos seus amigos, seus professores e aquele cara assustador no fundo da sala da aula de matemática que nunca coloca o braço no ar. Se você pretender que suas informações privadas continuem sendo privadas, não as publique on-line.
  6. Assim que você coloca alguma coisa on-line, ela continuará on-line.
    Você pode excluir algo que escreveu ou publicou em um site, mas as pessoas podem acessar versões antigas desse site em que ainda existem informações sobre você. Se você não tiver a certeza se deve ou não dizer algo na internet, provavelmente não deverá dizê-lo.
  7. Não faça downloads se não conhecer sua origem.
    Os downloads podem transmitir vírus aos seus computadores, provocar distúrbios nos seus aplicativos ou mesmo fazer com que o servidor do seu e-mail envie mensagens com seu nome para pessoas que você não conhece. Você pode configurar suas preferências no seu computador de modo a ser notificado sobre downloads antes de abri-los. Por isso, pare e pense antes de baixar algo sobre o qual não tem certezas. Você não sabe por onde essa coisa já andou.
  8. Suas amizades on-line devem permanecer assim mesmo: on-line.
    Todo o tipo de pessoas usa a internet. Mas não existe um jeito de afastar as pessoas com más intenções. Se alguém que você conheceu on-line quiser se encontrar pessoalmente com você, avise um adulto. Se você acabar por se encontrar com essa pessoa, leve seu pai/mãe ou outro adulto com quem tenha um relacionamento próximo.
  9. E, por fim, se você se sentir inseguro, informe um adulto.
    Se alguém ou algo on-line estiver fazendo com que você se sinta desconfortável, informe seu pai/mãe, um professor ou outro adulto em quem você confia. Peça ao adulto para ajudar você a comunicar o incidente ao site da web ou, se necessário, à polícia. Suas ações podem acabar por ajudar muitas outras pessoas também.